Jair Bolsonaro e Fernando Hadade vão para o segundo turno para presidente em 28 deste mês

    237 total views, 3 views today

    Fernando Hadad (PT)

    Fernando Hadad, ex.ministro e, ex. prefeito de São Paulo pelo pt, vão para o segundo turno das eleições para presidente ainda neste mês, em 28 de outubro, onde haverá segundo turno para diversos estado e para o Palácio do Planalto, contra o primeiro colocado, Jair Messias Bolsonaro, Capitão do Exército.

    Estados que terão segundo turno

    Fátima Bezerra (PT) e Carlos Eduardo (PDT), do Rio Grande do Norte vão disputar o segundo turno das eleições para o governo do estado.

    Jair Bolsonaro chegou em primeiro lugar por conta do movimento popular vista nas redes sociais durante as prisões e acusações contra presidentes, governadores, deputados e senadores, onde culminou com prisões importantes como a do ex.presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso em Curitiva, no Paraná, condenado em segunda instância há 12 anos de prisão.

    Outro fato importante que alavancou a candidatura de Jair Bolsonaro foi o fato dos militares manifestarem seu apoio ao candidato, que também é Capitão da reserva do Exército brasileiro, mas foi o seu vice, o então general de exército quando foi mostrado dando declarações de insatisfação da tropa, mostrando que esta passando da hora de uma intervenção das forças armadas no governo.

    Fernando Hadad (PT), chegou com muita determinação como vice-presidente na chapa de Lula, até que o ex.presidente fosse barrado pela lei da ficha limpa ( sancionada por ele em quanto presidente), fazendo com que Hadad fosse o titular da chapa, dai, começou a fazer propaganda eleitoral pela tv, mas, sem sombra de dúvida todo mérito de Fernando Hadad a corrida presidencial não esta em si, porém na força da militância do PT e, da insatisfação popular pela oligarquia que vem tentando barrar os direitos da classe operária no Brasil.

    Por fim, podemos dizer que ambas as candidaturas carregam consigo duas bandeiras, de um lado, jair messias bolsonaro a, indignação da corrupção e a falta de segurança pública, já do lado de Fernando Hadad, das conquistas sociais conquistadas principalmente pelo ex.presidente Luis Inácio Lula da Silva.

    A candidatura de Fernando Hadad representa para o eleitorado, principalmente das classes sociais mais baixas, a esperança da manutenção das conquistas sociais, o problema é que a falta de segurança e a corrupção também estão na conta do pt.

    Por Daniel Dantasl/Sebrajor

    Siga-nos nas redes sociais

       

      Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *